Como falar bem em público

Muitas vezes, em nosso trabalho, precisamos expor nossas ideias, fazer uma apresentação para a equipe ou diretoria. Isso pode gerar ansiedade, tensão e nervosismo. Falar bem em público é uma tarefa que parece simples, mas requer dedicação, leitura e treinamento.
Para minimizar essa preocupação, falar bem em público e conseguir realizar uma boa apresentação, palestra ou até mesmo uma entrevista, é muito importante se preparar. Mas como fazer isso?
 Aqui temos algumas dicas que levam em conta os cinco pontos de honra da comunicação:
  • planejamento;
  • persuasão (empatia, fala);
  • expressão verbal e corporal;
  • estilo (gramática, fluência, concisão) e;
  • domínio do ouvinte e cenário.

1 – Planejamento

Para se planejar, é necessário ter respostas às seguintes perguntas:
  • Qual o tema da apresentação/ entrevista /palestra?
  • A que público se destina?
  • Quais são as possíveis perguntas?
  • Em caso de entrevistas, quem é o jornalista, em qual veículo trabalha?

2 – Persuasão

Quando dizemos algo, esperamos que o nosso destinatário compreenda e ofereça uma resposta ou colaboração ao que foi dito. Isto é, queremos persuadir. O ato comunicativo é um processo de convencimento. Portanto, devemos:
  • causar empatia, tendo claro qual a utilidade / expectativa desse assunto para o telespectador / ouvinte;
  • qual a ideia central que quer transmitir;
  • organizar os argumentos que sustentam sua mensagem. Ter dados e fatos relevantes sobre o assunto;
  • demonstrar segurança e convicção ao transmitir a mensagem.

3 – Expressão verbal e corporal

O modo como falamos e nos portamos também faz parte do processo de comunicação, então fique atento para:
  • pronunciar corretamente as palavras;
  • usar a entonação adequada;
  • falar com clareza;
  • manter uma boa postura corporal;
  • apresentar visual limpo e asseado;
  • cuidar da gesticulação – movimentos excessivos comprometem a comunicação.
Dicas:
  • Olhe para o público ou entrevistador. A lente da câmera não é espelho e ficar olhando diretamente para ela, demonstra falta de respeito e consideração com o jornalista ou com o público em uma palestra. Mas tome cuidado para não ficar de perfil.
  • Em caso de entrevistas, jamais pegue no microfone. O microfone é ferramenta de trabalho do repórter.
  • Não abuse de termos técnicos. Isto prejudicará o entendimento da mensagem e você poderá se transformar em um apresentador arrogante.
  • Não use camisa amassada ou com mancha de suor.
  • Se estiver de pé, abotoe todos os botões do paletó.
  • Nunca deixe a ponta da gravata escapar do paletó por baixo, próximo à cintura.
  • Ao sentar, puxe o paletó atrás e sente por cima, isso evita sobras nos ombros.
  • As mulheres devem evitar decotes chamativos.
  • Evite acessórios chamativos como brincos, pulseiras barulhentas, abotoaduras etc.
  • Nunca dê entrevista de óculos escuros.
  • Em entrevistas de TV, esqueça estampas listradas, xadrez e branco.
  • Não leve papéis na mão. As falas devem ser espontâneas.
  • Depois que entrar no estúdio, só fale o que for pertinente para a entrevista. Lembre-se que os microfones estão sempre ligados e podem ser ouvidos na sala de controle.
  • Não faça comparações com outras empresas.

4 – Estilo

Quando você se comunica é importante também respeitar as regras gramaticais. É fundamental tomar cuidado com o uso da língua, as concordâncias verbais e nominais, regências, plural.
Além disso, é importante adequar a linguagem ao público-alvo. Isto não significa infringir a norma culta da língua.
Outro ponto de atenção é evitar cacoetes como: né, bom, ok, eh, tipo assim.

5 – Domínio do ouvinte e cenário

É importante ter autopercepção sobre o seu comportamento em apresentações e entrevistas. Você deve fazer um bom gerenciamento do tempo e não se prolongar em respostas que não interessam ao público. Além disso, deve estar atento à sua postura no cenário e como interage com ele.
Você deve saber ouvir. Sempre ouça a pergunta antes de responder e se não entender, peça para reformular a pergunta. Caso o interlocutor apresente um ponto de vista diferente, espere que conclua o raciocínio antes de falar.
Se o público não compreender a sua mensagem, tenha paciência para explicar novamente.

Para finalizar:

Pergunte de forma educada se ainda tem alguma dúvida. Coloque-se à disposição para esclarecê-las.
Fonte:http://www.universia.com.br/

Nenhum comentário:

Postar um comentário